sexta-feira, 1 de abril de 2016

Rede municipal de educação de Niterói debate violência infantil





31/03/2016 - Diretores das escolas da rede municipal de Niterói participaram na tarde destaquinta-feira (31/03) da "I Formação Sobre a Unificação da Ficha de Notificação de Suspeita e/ou Confirmação de Violências". O evento aconteceu no auditório Darcy Ribeiro, localizado no Espaço Osvaldo Salles, Centro de Niterói, e contou com cerca de 90 profissionais.

A ficha de notificação foi criada através de uma parceria entre as secretarias municipais de Educação, Ciência e Tecnologia e Saúde, a Fundação Municipal de Educação, Ministério Público e os Conselhos Tutelares, com o objetivo de reduzir o número de casos de violências sofridos por crianças e adolescentes
em Niterói.

O encontro contou com palestras e debates, explicando para os profissionais omodo de agir diante das diversas situações que envolvem suspeita e/ou maus-tratos. Na mesa de abertura da cerimônia, estiveram presentes a Secretária Municipal de Educação, Ciência e Tecnologia, Flávia Monteiro de Barros, a Subsecretária de Educação Patrícia Gomes, a Subsecretária Municipal de Saúde, Juliana Costa, além de representantes da Promotoria da Infância, Juventude e do Idoso, e do Colegiado dos Conselhos Tutelares.

O evento, promovido pela Superintendência de Desenvolvimento de Ensino, através do Núcleo de Assessoria Técnica Multiprofissional (NAT), contou com uma palestra da pediatra Suely Werneck Cotta, especializada em violência infantil, que falou da necessidade de usar a informação na ação intersetorial, na prevenção da violência e na promoção de saúde.

"Esta é uma importante parceria pois este problema é muito complexo, não é algo possível de solucionarmos sozinhos. Temos que entender porque é importante notificar, e quais são os passos dessa denúncia", explicou Suely.

A secretária de Educação, Ciência e Tecnologia, destacou que o encontro é uma importante forma de ampliar o conhecimento sobre a violência e as medidas a serem tomadas.

"A presença de todos os profissionais, de diversos ramos, é importante, pois compartilhando essas informações, vamos ampliar e conquistar uma melhor rede de proteção para nossas crianças e adolescentes", declarou.

Houve ainda um debate, onde os diretores puderam levantar questões, esclarecer dúvidas e contar experiências vividas nas escolas para os membros do Conselho Tutelar e do NAT.

Fonte: Prefeitura de Niterói







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.