terça-feira, 4 de agosto de 2015

Morros de Niterói recebem cinco mil mudas, e prefeitura promete plantar mais 11 mil em um ano


Mudas plantadas por medida de compensação ambiental no morro do Cavalão - Divulgação / Daniel Marques

Tráfico, animais e até campeonatos de cafifa atrapalham o plantio

por

NITERÓI - A memória do que a combinação entre ocupação irregular de favelas, falta de investimentos públicos e chuvas fortes pode fazer ainda é bem viva para o niteroiense. Quem viveu o horror dos temporais de 2010, que provocaram o deslizamento de casas em diversos morros da cidade e o desabamento do Morro do Bumba, que deixou 48 mortos não esquece. Mas uma ação aparentemente simples tem ajudado a evitar que a história se repita. Por meio de medidas de compensação ambiental obrigatórias para quem pede autorização para supressão de vegetação, a Secretaria municipal de Meio Ambiente plantou cinco mil mudas na encostas dos morros do Cavalão e Vital Brazil.

Até o fim do primeiro semestre de 2016, a promessa é que mais 11 mil mudas sejam plantadas. No Bumba, palco da maior tragédia em 2010, serão seis mil. Outras três mil vão para a face do morro que dá para a Praia do Sossego, na Região Oceânica, e mais quatro mil serão plantadas no Bairro de Fátima, próximo às nascentes de água do antigo clube da Cedae.

— Se a espécie correta for plantada, pode evitar que seja necessário fazer grandes obras de contenção de encostas no futuro. Determinadas plantas têm raízes que conseguem “travar” o solo, evitando a erosão, como uma barreira natural. Além disso, qualquer vegetação já contribui para reduzir o desgaste do solo — afirma o vereador Daniel Marques (PV), ex-secretário de Meio Ambiente.

Os maiores obstáculos para o trabalho, segundo Marques, não são o tipo de solo ou o clima, algo com que seria normal a preocupação quando se trata de plantio de vegetação. O principal deles é impedir que a intervenção humana atrapalhe o crescimento da mudas plantadas:

— Nas comunidades, enfrentamos todo o tipo de adversidade. Tem áreas em que o tráfico “proíbe” o plantio, alegando que é rota de fuga. Tem morador que coloca o boi ou cavalo para pastar na área plantada e tem até campeonato de cafifa que reúne, às vezes, centenas de pessoas pisoteando as mudas.

Fonte: O Globo Niterói



-------------------------------------------------


LEIA TAMBÉM:

NITERÓI MAIS VERDE - Visita ao Morro do Castro, no Barreto, para planejar a implantação de áreas protegidas na Zona Norte da cidade
HORTO DO FONSECA - Dia de festa para reinauguração do Horto Botânico do Fonseca
Infraestrutura nas trilhas do PARNIT vai promover esportes, turismo e dar mais segurança aos usuários
Mario Mantovani, da SOS Mata Atlântica, visita Niterói para conhecer ações de conservação sendo desenvolvidas na cidade
NITERÓI MAIS VERDE - PARNIT ganhou reconhecimento e destaque em revista especializada dos EUA

Mais informações sobre o PARNIT e o Niterói Mais Verde

PARNIT - Prefeitura de Niterói mapeia dez trilhas ao redor do Parque da Cidade
Niterói + Verde e PARNIT: Decreto cria 22,5 milhões de metros quadrados de áreas protegidas na cidade
DIA HISTÓRICO EM NITERÓI: Foi publicado hoje o Decreto 11.744, que instituiu o PARNIT
PARNIT - Niterói cria parques para proteger áreas verdes de problemas como deslizamentos e queimadas
PARNIT - Prefeito Rodrigo Neves assina na quarta feira o decreto de criação do Programa Niterói + Verde
Niterói entra na rota do turismo do Rio de Janeiro
PARNIT e o ICMS Ecológico
Prefeitura de Niterói anuncia PARNIT: áreas de interesse ambiental serão protegidas
Parque da Cidade receberá 10 mil mudas em projeto de reflorestamento
Construindo uma parceria Prefeitura de Niterói / INEA: gestão de parques, cultura e esportes
Parque da Cidade ganha reforma para atrair turistas em Niterói
'Niterói mais verde' será criado para proteger o meio ambiente
Prefeitura de Niterói anuncia PARNIT: áreas de interesse ambiental serão protegidas
Mudanças à vista: Parque da Cidade vai passar por reformas
Ampliação do Parque da Serra da Tiririca com a incorporação da Darcy Ribeiro é uma vitória dos ambientalistas
Parques em Niterói: Rodrigo e Grael lançam manifesto "Niterói Cidade Mais Verde e Sustentável"
PROGRAMA REGIÃO OCEÂNICA SUSTENTÁVEL: Missão do Banco Latino Americano de Desenvolvimento visita Niterói para aprovar financiamento de R$ 250 milhões




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.