domingo, 2 de agosto de 2015

NITERÓI DE BICICLETA - Câmara: expansão de ciclovias em debate


Agenda de pautas será definida nesta segunda-feira em uma reunião entre todos os parlamentares
Douglas Macedo


Beatriz Cruz

Vereadores de Niterói voltam do recesso com audiência pública marcada para analisar projeto cicloviário e plano de educação

 
Na terça-feira, os parlamentares da Câmara dos Vereadores de Niterói retornam do recesso já com audiência pública marcada para discutir o sistema cicloviário da cidade. Os vereadores Daniel Marques (PV) e Henrique Vieira (Psol), que convocaram a audiência, querem avaliar e debater o projeto de implantação dos 120 quilômetros de malha cicloviária da cidade, que pretende interligar diversos bairros do município.

“Queremos nos interar sobre o projeto, saber como será a segurança da ciclovia, por onde vai passar, a quem vai atender e, para isso convocamos cicloativistas, assim como toda a sociedade organizada para que a gente possa construir coletivamente a proposta de um plano municipal de mobilidade. Construir um plano de expansão das ciclovias pela cidade é defender um plano de mobilidade sem poluição, com interação e saúde para quem mora ou passa por Niterói”, afirmou o vereador Daniel Marques, informando que além desse tema, o plano municipal de educação também deve retornar à votação em breve.

Sobre o Plano Municipal de Educação, a polêmica emenda de lei orgânica proposta pelo vereador Carlos Macedo (PRP) é uma das que cria mais expectativa entre os parlamentares. Isso porque a proposta, que tenta impedir políticas de ensino relativas às questões de gênero e orientação sexual nas escolas do município, divide as opiniões no plenário.

Apesar da confirmação da primeira audiência na Câmara, a agenda de pautas só será definida nesta segunda em uma reunião entre todos os parlamentares para definir a organização das sessões ao longo do semestre. Na semana seguinte, uma série de atividades será realizada para abrir as comemorações dos 196 anos de trajetória do legislativo niteroiense.

“Como já é tradição, será prestada uma grande quantidade de serviços gratuitos à população. Será um mutirão de cidadania”, disse o presidente da Câmara, Paulo Bagueira (SDD).
Fonte: O Fluminense 





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.