sexta-feira, 28 de outubro de 2016

Guarda-vidas intensificam presença nas praias



Corpo de Bombeiros vai intensificar a presença de guarda-vidas nas praias a partir de novembro. Foto: Divulgação / Marcelo Horn


Objetivo é reduzir o número de afogamentos durante o verão

O Corpo de Bombeiros vai intensificar a presença de guarda-vidas nas praias a partir de novembro. A medida, que ocorre anualmente no período do Verão, tem o objetivo de reduzir o número de afogamentos. Somente este ano, a corporação já realizou cerca de 11 mil salvamentos na orla carioca.

“Este é um número significativo e que cresce exponencialmente na época mais quente do ano. Infelizmente, são muitos casos de afogamentos. Geralmente há banhistas que vêm de bairros distantes da orla e desconhecem os perigos relacionados às praias. Há ainda os casos de ingestão de bebida alcoólica”, afirmou o comandante das atividades de Salvamento Marítimo do Corpo de Bombeiros, coronel Marcelo Pinheiro.

Segundo o oficial, haverá um incremento de 50% no número de guarda-vidas devido à redução da escala, de 12 horas trabalhadas por 60 horas de folga, para 12 horas trabalhadas por 36 horas de folga. Como acontece todos os anos, os militares receberão uma gratificação durante o período. Outros 205 profissionais se somarão ao efetivo, além de 64 bombeiros que passam por estágio.

“O treinamento dos bombeiros militares dura aproximadamente 8 meses. É um trabalho difícil, exigimos muito dos profissionais. Eles correm, nadam, realizam exercícios localizados, aprendem técnicas de salvamento e primeiros socorros e ainda têm que enfrentar o mar de ressaca. O serviço de salvamento no mar realizado pelos guarda-vidas do Rio é considerado um dos melhores do mundo, sobretudo pela eficiência de nossos profissionais”, acrescentou o comandante.

Para agilizar o atendimento à população, o Corpo de Bombeiros também atuará com embarcações de resgate, como as 39 motos aquáticas. Elas são usadas para fazer o patrulhamento na orla, além de auxiliarem nos salvamentos.

Fonte: O Fluminense







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.