sexta-feira, 14 de outubro de 2016

PARQUE ESTADUAL DA SERRA DA TIRIRICA: Enseada do Bananal com novas regras



Limite diário será de 50 participantes em qualquer atividade com corda na Enseada. Foto: Enrico Marone / Divulgação


Raiana Collier

Orientação sobre limite diário de visitantes começa neste fim de semana. Medidas passam a valer a partir de fevereiro

Começa neste fim de semana o processo de orientação aos frequentadores da Enseada do Bananal, no Parque Estadual da Serra da Tiririca (Peset), sobre novos procedimentos para rapel no local. A partir de janeiro de 2017, passa a valer um limite diário de 50 participantes em qualquer atividade com corda na Enseada, com no máximo 15 pessoas por grupo, que poderão fazer uso da área por até três horas.

De acordo com Jonathan Ferrarez, chefe do Peset, a Câmara Técnica de Montanhismo do Peset detectou grande fluxo de visitantes no Parque, principalmente de praticantes de rapel e escalada. Só em 2016, foram recebidos cerca de 1.500 visitantes para esse tipo de prática. Pode parecer um número baixo, mas o esporte é realizado em uma área pequena, o que potencializa o dano. Segundo o Instituto Estadual do Ambiente (Inea), desde o início deste ano até o momento, a Enseada do Bananal, um espaço com 200 metros quadrados, recebeu 1.500 praticantes.

Segundo Ferrarez, o ordenamento foi discutido com as operadoras que praticam rapel e escalada no parque. A ideia é chegar a um consenso sobre as melhores medidas para o plano emergencial de contenção de danos no local. Entre as medidas adotadas estão ainda o cadastramento prévio do guia operador, necessidade de uma prévia autorização pela administração do parque na instalação ou remoção de grampos ou chapeletas e preenchimento de um termo de risco.

No próximo sábado (22), a Escola Municipal Professor Dario de Souza Castello recebe o II Seminário de Mínimo Impacto, com palestras justamente sobre assuntos como os impactos da escalada em rochas e regras para atividades de risco. No Parque Estadual da Serra da Tiririca, onde fica localizada a Enseada do Bananal, mais mudanças: o Inea vai começar a limitar o número diário de pessoas que poderão visitar o local. A previsão é que essa limitação comece a partir de 2017, e o Parque deve passar a receber entre 600 e mil pessoas, divididas por período de visitação. Por enquanto, o órgão aguarda a conclusão de um estudo (prevista para novembro), que está sendo realizado em parceria com a Universidade Federal Fluminense (UFF).

Parque capacita moradores para guiar visitantes

Os visitantes do Parque Estadual da Serra da Tiririca, administrado pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), já podem contar com ajuda profissional para conhecer os atrativos da unidade de conservação. Hoje, 28 pessoas receberão seus certificados de conclusão do curso Condutores de Visitantes, em uma cerimônia na Associação Fluminense de Engenheiros e Arquitetos, em Itacoatiara, na Região Oceânica de Niterói. O secretário estadual do Ambiente, André Corrêa, participará do evento.

O curso contemplou moradores do entorno do parque, que abrange partes dos municípios de Niterói e Maricá, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. A capacitação abrangeu as matérias história do parque, noções de ecologia, geografia, turismo e sustentabilidade, legislação ambiental, técnicas de condução, criação de roteiros, cartografia e segurança, totalizando carga horária de 134 horas, sendo 104 horas de aulas teóricas e 30 horas de aulas práticas no parque.

O Inea desenvolve o Programa Estadual de Guias e Condutores, que tem como objetivo capacitar, ordenar e certificar as atividades de guiagem e condução de visitantes nas unidades de conservação do Estado. “A capacitação dos condutores propicia o desenvolvimento da economia regional através da formação da comunidade do entorno das áreas protegidas em prol da visitação de qualidade nas unidades de conservação”, disse o secretário estadual do Ambiente, André Corrêa.​

Fonte: O Fluminense







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.