quarta-feira, 2 de agosto de 2017

NITERÓI É A SEGUNDA CIDADE NO RANKING DA LIMPEZA PÚBLICA NO BRASIL



OPINIÃO DE AXEL GRAEL

Após uma primeira edição do Índice de Sustentabilidade da Limpeza Urbana - ISLU (Ranking da Limpeza Urbana), divulgado em 2016, que apresentou Niterói de forma incorreta na 6a posição entre as cidades do estado do Rio de Janeiro, ciente do equívoco na interpretação dos dados naquela ocasião, a secretária municipal de Conservação e Serviços Públicos - SECONSER, Dayse Monassa, procurou os organizadores do Ranking solicitando revisão.




Agora, na edição de 2017, o Ranking da Limpeza Urbana faz justiça a Niterói e a coloca como a segunda melhor cidade do país no que se refere aos serviços prestados à população.

Ainda há muito o que avançar, mas o resultado divulgado mostra a excelência da gestão pública da cidade de Niterói, na administração liderada pelo prefeito Rodrigo Neves, demonstrando também que a cidade consolida-se cada vez mais como uma referência nacional em sustentabilidade urbana.

Parabenizamos o Sindicato das Empresas de Limpeza Urbana - SELUR pela iniciativa de publicação de mais uma edição do ISLU/Ranking da Limpeza Urbana, iniciativa que promove o avanço da gestão de Resíduos Sólidos Urbanos, para que se alcance os objetivos da Política Nacional de Resíduos Sólidos, instituída pela Lei 12.305/2010.

Também merece destaque a equipe da Prefeitura de Niterói, em particular da SECONSER e da CLIN que permitiram chegar ao presente resultado.

Axel Grael
Secretário Executivo
Prefeitura de Niterói



------------------------------------------------------


Ranking mostra avaliação de cidades brasileiras na gestão do destino do lixo.

Assista ao vídeo com a matéria da Globo News


Acesse o vídeo aqui

Fonte: Globo News



------------------------------------------------------------------



Segundo a prefeitura, a Clin recolhe, por mês, 3.167 toneladas de varrição
Foto: Douglas Macedo


Niterói entre as mais limpas do País

Cidade ficou em segundo lugar no ranking nacional de limpeza urbana do Brasil entre 3.049 municípios

Niterói ficou em primeiro lugar no Estado do Rio e em segundo no ranking nacional de Limpeza Urbana. Foram avaliados 3.049 municípios de todo o País, incluindo as capitais, e Niterói obteve excelentes índices ficando atrás somente da cidade de Maringá, no Paraná. O detalhamento do Índice de Sustentabilidade da Limpeza Urbana, desenvolvido pelo Sindicato das Empresas de Limpeza Urbana (Selur), será divulgado no final deste mês em São Paulo.

O prefeito Rodrigo Neves comemorou o resultado, mais um reconhecimento do esforço da Prefeitura para a melhoria na qualidade de vida do niteroiense. “Nossa cidade ficou em segundo lugar no Brasil no ranking de limpeza urbana. Conquistamos mais um excelente resultado através de nossas políticas públicas, agora na gestão de resíduos e limpeza urbana. Ao longo dos últimos três anos recuperamos e também conquistamos vários prêmios e posições em avaliações de desempenho de instituições independentes em várias áreas. Alcançar o segundo lugar dentre os 3.049 municípios analisados é realmente extraordinário”, disse Rodrigo Neves.

Essa é a segunda edição do Índice de Sustentabilidade da Limpeza Urbana, desenvolvida pelo Sindicato das Empresas de Limpeza Urbana (Selur) e pela PwC, que avaliou mais de 3.000 municípios com base em critérios como impacto ambiental e engajamento da sociedade na destinação do lixo. “É um orgulho para Niterói ver o resultado dessa pesquisa, que espelha o empenho de toda a equipe da Clin, formada por profissionais muito dedicados, e de toda a administração municipal”. afirma Luiz Carlos Fróes Garcia, presidente da Companhia de Limpeza de Niterói (Clin), lembrando que Niterói está adequada à Lei Nacional dos Resíduos Sólidos. Segundo a Clin, são recolhidos 13.334 toneladas, por mês, de resíduo de coleta domiciliar e 3.167 toneladas de varrição. Outros resíduos como, galhos, lodos e entulhos chegam a acumular 3.500 toneladas.

A Prefeitura de Niterói desenvolve atividades educativas, de forma a conscientizar a população quanto à sua importância no sucesso do trabalho de manter a cidade limpa. O sistema de recolhimento seletivo porta a porta é realizado em toda a cidade de forma setorizada, de acordo com os bairros e a demanda de resíduos. Após cadastro na Clin, o morador recebe todas as instruções sobre o processo de separação seletiva dos materiais.

Além dos recicláveis comuns (papel, plástico, vidro e metal), a Clin possui projetos para reaproveitamento de diversos materiais, tais como óleo de cozinha usado, pilhas, pneus e isopor. A cidade de Niterói é pioneira na coleta e reciclagem do isopor.

Atualmente, todo resíduo produzido em Niterói tem destino final adequado. Os resíduos são coletados e destinados à Célula Emergencial do Morro do Céu, que fica no bairro do Caramujo. No local, tais resíduos são pesados e recebem o tratamento adequado e tecnicamente normatizado. Os resíduos domiciliares são destinados ao CTR de Alcântara – SG. Os resíduos de serviço de saúde são destinados ao CTR de Itaboraí. Os resíduos de construção civil são destinados ao CTR de Anaia-SG. Já os resíduos recicláveis são doados para cooperativas de catadores, desta forma todo participante auxilia na preservação ambiental e na inserção social. 


Fonte: O Fluminense




-------------------------------------------------------------------


LEIA TAMBÉM:

ESCLARECIMENTO SOBRE GESTÃO DO LIXO EM NITERÓI









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.