terça-feira, 15 de dezembro de 2015

DEFESA CIVIL - Balanço de ocorrências das chuvas na cidade durante o fim de semana



Carro afetado por queda de árvore na Rua Nóbrega, Jardim Icaraí. Foto Dayse Monassa.

Queda de árvore na Rua Tapuias, em Sâo Francisco. Foto Axel Grael

Quada de árvores na Rua Tupinambás, São Francisco. Foto Elias Ramos.

 
Queda de árvore na Rua Tupinambás, São Francisco. Fotos Christa Grael.
 
Casa afetada por queda de árvore. Comunidade da Boa Vista. Foto Bianca Neves / Defesa Civil de Niterói.
 


15/12/2015 - A Prefeitura de Niterói informa que, devido à forte chuva da noite de ontem (13/12) - choveu o equivalente a 26 % do esperado para todo o mês de dezembro - foram identificados diversos pontos de alagamento na cidade. O escoamento da água se deu de forma rápida após o término do temporal.

Em algumas regiões o vento chegou a ter rajadas de mais de 90 km/hora, fenômeno raro em Niterói e no Estado.

Os fortes ventos durante a chuva causaram a queda de árvores em Santa Rosa, Icaraí, Jardim Icaraí, Bairro de Fátima, Centro, Barreto, Boa Vista e São Francisco, sendo este último o bairro mais afetado. Foram registrados 20 chamados para remoção de árvores, além de diversos galhos. Desde o final do temporal, as equipes da Secretaria de Conservação e Serviços Públicos e da Clin, com o apoio do Corpo de Bombeiros, trabalharam na desobstrução das vias principais, como as ruas Joaquim Távora e Nóbrega e o Canal de São Francisco. Dezenas de funcionários da Clin e Seconser foram para as ruas atender aos chamados nos bairros.

As equipes seguem trabalhando desde o início da manhã de hoje na retirada das árvores e dos galhos das vias secundárias, com o apoio da Ampla. O forte vento também entortou um poste de iluminação pública no Terminal Sul, no Centro. Ontem à noite, foram removidas as luminárias do poste, que não apresenta risco de queda. A remoção será realizada hoje.

Sobre as equipes:
Desde o início da manhã desta segunda, as três equipes de poda da Seconser seguem trabalhando com o auxílio de caminhões, caminhões munck e motosserras.

Defesa Civil:
Os maiores registros de chuva foram:
Centro: Morro do Estado - 39,4mm
Centro: Rua Visconde de Itaboraí - 33,7mm
Icaraí: 29,6mm

A Defesa Civil entrou em estado de atenção às 20 horas e retornou para vigilância à zero hora.

Os índices não atingiram os níveis de escorregamento de acordo com o Protocolo da Defesa Civil do Estado.

Ocorreram pancadas fortes em períodos concentrados. A maior pancada de chuva registrada foi a de 18,2mm em 10 minutos no Morro do Estado às 20 horas.

Com relação aos ventos, a velocidade registrada foi de 51,8 km/h às 22 horas, com rajadas de mais de 90 kms.

A Defesa Civil recebeu várias solicitações acerca de quedas de árvores, que estão sendo atendidas pela SECONSER e o Corpo de Bombeiros .

Desde a noite de domingo até o presente momento, a Defesa Civil registra:

  • 13 situações de queda de árvore (maioria no Centro, Icaraí e São Francisco), sendo o caso mais grave o da Rua Adelino Martins, 134, Boa Vista, que caiu sobre a casa, e telhas atingiram criança de 3 anos. Ela foi socorrida pelos próprios pais e conduzida para o Azevedo Lima com escoriações leves. Além dessa moradia, outra casa também foi interditada e há um total de 7 pessoas desalojadas (seguiram para a casa de familiares).
  • 2 Pontos de alagamento em Icaraí; Todas as equipes da DC em atendimento às situações mencionadas.
A Defesa Civil do Município e a Seconser continuam em alerta.
 

Fonte: Prefeitura de Niterói



---------------------------------------------------

LEIA TAMBÉM:

DEFESA CIVIL - Sobre as chuvas e ventos do fim de semana em Niterói










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.