sábado, 18 de junho de 2016

PROTEÇÃO ANIMAL EM NITERÓI: Mais de 45 mil animais vacinados em campanha antirrábica


Mais de 45 mil cães e gatos foram vacinados sábado em Niterói. Foto: Marcelo Feitosa

Beatriz Cruz

Campanha antirrábica é realizada pela Prefeitura de Niterói em 79 postos espalhados por toda a cidade

Mais de 45 mil cães e gatos foram vacinados contra a raiva neste sábado (18), na cidade de Niterói. Ao todo 79 postos participaram da Campanha de Imunização contra a doença. A secretária municipal de Saúde Maria Célia Vasconcellos participou da abertura da Campanha, no Campo de São Bento, em Icaraí, e falou da importância da vacina. “Há anos Niterói não registra a raiva, isso é resultado da campanha realizada anualmente no município, por isso é muito importante que as pessoas vacinem seus cães e gatos”, declarou.

Segundo o chefe de controle de zoonoses Francisco Faria Neto, a campanha este ano foi antecipada. “Geralmente a vacinação antirrábica ocorre em novembro e dezembro. Este ano antecipamos porque houve, ao longo do ano passado, um déficit de vacina antirrábica para humanos. A nossa intenção foi agilizar para proteger os bichos. Protegendo os bichos, a gente protege também as pessoas”, afirma Francisco, que acrescentou: “A doença hoje é controlada. O último caso de morte motivada por raiva foi em 1986, no Barreto. E para aqueles que perderam o dia de vacina, ainda há a chance de imunizar o animal em dois lugares da cidade: no Campo de São Bento e no Horto do Barreto. A vacinação é dada de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, ao longo de todo o ano”.

Casados, a advogada Simoní Soares, de 39 anos, e o militar Leandro Azevedo, de 38, levaram as cachorras Mel e Nina para serem vacinadas. Enquanto Nina encarou a injeção numa boa, a Mel ficou trêmula após a dose. “Nossos cãezinhos representam a vida para nós. A Mel, por exemplo, veio para nossa casa quando eu perdi um bebê. Para nós, eles formam a nossa família e por isso cuidamos muito bem da saúde deles. Não perdemos nenhuma vacina”, disse Simon.

Fonte: O Fluminense





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.