domingo, 25 de dezembro de 2016

SERRA DA TIRIRICA: incêndio causado por balão mobiliza equipes no dia de Natal




Focos de incêndio na vertente de Maricá do Parque Estadual da Serra da Tiririca. Fotos Christa Grael.


Um foco de incêndio, provavelmente causado por balão, consumiu a vegetação de uma encosta rochosa do lado de Maricá (Itaipuaçu), do Parque Estadual da Serra da Tiririca (PESET), cuja gestão é de responsabilidade do Instituto Estadual do Ambiente (INEA), mas conta com o apoio da Prefeitura de Niterói.

A área afetada possui uma vegetação rupícola, adaptada às condições dos paredões com afloramentos rochosos, e alguns dos remanescentes de Mata Atlântica mais bem preservado do Parque.

De manhã, por volta das 10:00h, ao avistar os focos de incêndio, entramos em contato com equipes do PESET, que liderados pelo Administrador do parque e ambientalista, Jhonatan Ferrarez, já estavam se dirigindo ao local. Com a ajuda da Defesa Civil de Niterói, o Corpo de Bombeiros também foi acionado.

Alguns voluntários treinados pela Defesa Civil de Niterói para atuar em situação de incêndio em vegetação também estiveram no local.

A fumaça do incêndio chegou a ser tão intensa que também podia ser avistada do lado de Niterói. Foi o que relatou o ambientalista Cassio Garcez, que avistando a fumaça nas proximidades do Córrego dos Colibris, também entrou em contato com o PESET.

Os focos de incêndio custaram o dia inteiro de trabalho das equipes do PESET e do Corpo de Bombeiros, que dedicaram o dia de Natal para dar combate ao fogo. O trabalho foi dificultado pelos fortes ventos, o calor intenso e o difícil acesso ao local do fogo.


Aeronave do Corpo de Bombeiros apoia a atuação das equipes de terra. Foto Jhonatan Ferrarez.


No fim da tarde, uma aeronave do Corpo de Bombeiros veio dar suporte ao trabalho das equipes de terra. O helicóptero transportou água do Canal de Itaipuaçu para os locais afetados, mantendo o trabalho até cerca de 19:00h, quando as condições de segurança para a continuidade da operação não eram recomendadas, devido ao ocaso.

Às 19:10, Jhonatas Ferrarez informou: "Encerramos os trabalhos agora, com alguns pontos quentes persistentes, vamos continuar o monitoramento e se for necessário, amanhã de manhã entraremos em ação cedo".

Por volta de 20:30, Cassio Garcez alertou: "Acabei de passar pelo Córrego dos Colibris e observei uma grande quantidade de fumaça bem no topo da serra. Temo que até amanhã o fogo já tenha passado para a vertente niteroiense".

SOLTAR BALÃO É CRIME

Soltar balão é crime tipificado na legislação ambiental e a sua prática, além de oferecer riscos ao à vida das pessoas, ao meio ambiente e ao patrimônio de terceiros, pode levar os responsáveis por esta prática à prisão.

Forças policiais do estado e a Guarda Municipal de Niterói tem intensificado a fiscalização sobre a prática criminosa de soltar balões. Segundo informou o Cel José Maurício Padrone, em 2016, a Coordenadoria Integrada de Combate aos Crimes Ambientais - Cicca (vinculada à Secretaria Estadual do Ambiente - RJ) e a Polícia Ambiental apreenderam mais de 500 balões.

No Município de Niterói, solicitamos a contribuição da população fazendo denúncias para Centro Integrado de Segurança Pública (CISP), através do número 153.

Axel Grael
Vice-Prefeito
Niterói



-----------------------------------------------------------------


LEIA TAMBÉM:

QUEIMADAS: MITOS E VERDADES
PARQUE DA SERRA DA TIRIRICA: Lazer e aventura na natureza

Niterói Contra Queimadas

NITERÓI CONTRA QUEIMADAS: Defesa Civil realiza Ronda Preventiva contra incêndio em vegetação e queima de lixo
MUDANÇAS CLIMÁTICAS: Prefeitura cria o Grupo Executivo de Sustentabilidade e Mudanças Climáticas de Niterói (GE-CLIMA)
NITERÓI CONTRA QUEIMADAS: Prefeitura promove "Rondas Preventivas"
NITERÓI CONTRA AS QUEIMADAS: Drone começa a ser usado no monitoramento de queimadas em Niterói
NITERÓI CONTRA AS QUEIMADAS: queimadas no RJ diminuíram em 2015, mas Niterói teve elevado número de focos
TECNOLOGIA PARA EVITAR TRAGÉDIAS - cooperação UFF e Defesa Civil de Niterói 
NITERÓI CONTRA AS QUEIMADAS - Acordo permite que Niterói remunere bombeiros para atuar na prevenção e reposta a incêndios em vegetação na cidade
AUMENTA O RISCO DE INCÊNDIO EM VEGETAÇÃO EM NITERÓI - Colabore fazendo a sua parte. Evite o fogo, não solte balões e tome cuidado com fogos de artifício!
NITERÓI CONTRA QUEIMADAS - Experiência da Defesa Civil de Niterói na prevenção e combate às queimadas é premiada
NITERÓI CONTRA AS QUEIMADAS - saiba mais detalhes técnicos sobre o programa anunciado pela Prefeitura de Niterói
NITERÓI CONTRA QUEIMADAS: Bombeiros firmam parceria com Prefeitura de Niterói
NITERÓI CONTRA QUEIMADAS - Prefeitura de Niterói lança programa de combate às queimadas

Curso de Formação de Voluntários Contra Queimadas

NITERÓI CONTRA QUEIMADAS: Defesa Civil de Niterói forma mais uma turma de voluntários contra queimadas
NITERÓI CONTRA QUEIMADAS: Trabalho de campo noturno no Morro da Boa Vista para a capacitação dos voluntários do NUDEC Queimadas
NITERÓI CONTRA AS QUEIMADAS - Niterói forma primeira turma do curso de Defesa Civil contra queimadas em vegetação
NITERÓI CONTRA QUEIMADAS - Defesa Civil de Niterói forma a primeira turma de voluntários para o combate a incêndio em vegetação
NITERÓI RESILIENTE - NUDEC QUEIMADAS: Voluntários contra queimadas

Queimadas no estado do Rio de Janeiro

Queimadas crescem em 200% no Estado do RJ

Outras postagens de interesse

Polícia Ambiental ultrapassa 2,8 mil ocorrências em 2016
Secas e desmatamento podem levar à savanização da Amazônia
QUEIMADAS: Incêndios criminosos devastam a Amazônia em 2016
QUEIMADAS: Inpe alerta para aumento de 65% no número de queimadas florestais em 2016
FAO: pecuária causou 80% do desflorestamento no Brasil entre 1990-2005
Pesquisa indica que preservação e regeneração de florestas secundárias pode mitigar os efeitos do aquecimento global









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.