domingo, 15 de maio de 2016

NITERÓI NA RIO 2016: Niterói será destino de visitantes latinos nas Olimpíadas


Segundo a Neltur, estacionamento com 20 mil metros quadrados será utilizado para abrigar motorhomes de turistas
Arquivo/André Redlich


David Tavares
 
Neltur confirma que a cidade receberá turistas que devem chegar em motorhomes e trailers

A Prefeitura de Niterói, através Niterói Empresa de Lazer e Turismo S/A (Neltur), confirmou que a cidade será o principal destino de turistas de países vizinhos ao Brasil, durante o período das Olimpíadas Rio 2016. Entre os dias 5 de agosto e 18 de setembro, a cidade abrigará em um espaço de 20 mil metros quadrados, ao lado do Caminho Niemeyer, no antigo estacionamento do supermercado Carrefour, cerca de 900 veículos entre motorhomes e trailers, o que representa a expectativa 3 a 5 mil turistas, que segundo a Neltur, devem atrair aproximadamente RS 20 milhões para a cidade.

A área destinada a estes turistas, na região central de Niterói, é vista como estratégica por estar próxima à estação das barcas e do terminal rodoviário intermunicipal. Ainda conforme o presidente da Neltur, José Haddad, haverá estrutura de segurança e orientação para os visitantes.

“A Neltur terá guias para orientá­-los e serão fornecidos todos os folders e guias sobre os atrativos da cidade. As informações poderão também ser conseguidas através do 0800-282-7755, com guias bilíngues. Haverá estrutura de segurança com policiais militares e guardas municipais”, explica Haddad, mostrando­-se confiante também na rede hoteleira da cidade.

"De acordo com o presidente Sindicato dos Lojistas do Comércio de Niterói (Sindilojas), Charbel Tauil, a chegada de turistas na cidade é sempre importante para aquecer o comércio".


“Não temos ainda uma previsão real, pois dependemos do percentual de ocupação da rede hoteleira. Estamos otimista de que os 2.423 leitos, entre hotéis e pousadas da cidade, cheguem ao patamar máximo, com reflexo positivo na nossa economia”, acredita o presidente da Neltur.

De acordo com o presidente Sindicato dos Lojistas do Comércio de Niterói (Sindilojas), Charbel Tauil, a chegada de turistas na cidade é sempre importante para aquecer o comércio.

“O fato de o município receber turistas e visitantes é algo potencialmente positivo, pois tende a aquecer a economia local. Num olhar mais amplo, o Sindilojas vem defendendo que o poder público priorize o Centro da cidade para sediar eventos que atraiam público, tais como festivais de food trucks e festividades ao ar livre, em espaços como a praça do Rink e o Jardim São João”, explica Charbel.

Experiência anterior – Durante a Copa do Mundo de 2014, turistas, principalmente argentinos e chilenos, estiveram no Rio de Janeiro com veículos do gênero. O Terreirão do Samba, na Praça Onze, no Centro do Rio, foi disponibilizado pela prefeitura para receber os torcedores estrangeiros durante a competição. Outra opção foi a Ilha do Governador, na Zona Norte.

Segurança - No dia 4, o prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, pediu ao governador em exercício, Francisco Dornelles, que a cidade seja incluída no planejamento de segurança para os Jogos Olímpico e que também receba um reforço no policiamento assim como a capital, especialmente a partir de 5 de agosto. Neves explicou ao governador a necessidade de um planejamento específico para a cidade, além de um aumento do efetivo policial.

“Niterói precisa de um plano específico para as Olimpíadas e, evidentemente, mais policiais. Nosso pedido de reforço se refere aos PMs que se formarão em breve, para que sejam disponibilizados para Niterói não só nas Olimpíadas”, explicou Neves.

O governador em exercício disse que os pedidos serão analisados e discutidos com a cúpula da segurança.

“O pedido do prefeito sobre segurança será levado em consideração. Vou conversar com o secretário de segurança (José Mariano Beltrame) sobre essas reivindicações”, afirmou o governador.

Fonte: O Fluminense








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.