terça-feira, 31 de janeiro de 2017

EDUCAÇÃO PARA O TRÂNSITO: Niterói lança campanha para manter a tendência de queda do número de acidentes



Entre os dias 6 e 10 de fevereiro, a NitTrans realizará distribuições de panfletos educativos para segurança no trânsito. Foto: Evelen Gouvêa/Arquivo


Em 2015 foram protocolados 1.087, contra 1.150 no ano passado. Campanha tenta diminuir índice em 2017

Por Giovanni Mourão

Após um decréscimo de mais de 78% no número de acidentes de trânsito entre 2013 e 2015, Niterói registrou um aumento de 5,4% de 2015 para 2016. Foram protocolados 1.087 acidentes no município em 2015, ao passo que em 2016 o índice subiu para 1.150. A campanha “Volta às Aulas” é uma das maneiras que a Niterói Transporte e Trânsito (NitTrans) está promovendo a educação no trânsito para voltar a reduzir o índice.

Nesta segunda-feira (30), o auditório do Caminho Niemeyer recebeu cerca de 100 pessoas para uma série de palestras da campanha, com o objetivo de conscientizar a sociedade sobre da importância do comportamento responsável e humano ao volante. O Coronel Paulo Afonso Cunha, presidente da NitTrans, falou a respeito do aumento de acidentes e da importância do evento.

“Estamos inserindo os agentes de trânsito no processo educativo, pois as pessoas precisam entender que, além da fiscalização, a educação é priomordial para impedir acidentes. Devido à melhoria na fluidez do trânsito e ao aumento no número de motocicletas na rua, o número de acidentes subiu ligeiramente. Esse ano, vamos tentar reverter esse pequeno aumento”, afirmou, destacando que as estradas Francisco da Cruz Nunes, Caetano Monteiro e Av. Ewerton da Costa Xavier (Av. Central) são as vias com os maiores índices de acidente na cidade.

Pela manhã, as palestras tiveram como público-alvo agentes de trânsito. À tarde, também foram ministradas palestras, direcionadas a representantes e motoristas de transporte escolar, sobre legislação no trânsito e comportamento humano, além de um curso de Direção Emocional.

De acordo com Priscilla Lundstedt Rocha, palestrante e chefe do departamento de Educação para o Trânsito da NitTrans, a campanha busca capacitar motoristas e representantes de transporte escolar.

“Estamos promovendo uma espécie de reciclagem aos motoristas, com o objetivo de fazê-los trabalhar ainda melhor e com mais controle emocional. Queremos promover a educação, pois infelizmente nossa sociedade está cada vez mais egoísta. A Direção Defensiva propõe pensar no outro, antevendo o que o próximo pode fazer de errado para poder se precaver do pior”, explicou.

À tarde, também foram ministradas palestras, para representantes e motoristas de transporte escolar, sobre legislação no trânsito e direção defensiva. Para a educadora, a sociedade não dá o devido valor para campanhas e ações de educação no trânsito.

“Atualmente, a utilização do uso celular ao volante e a falta de cadeirinhas para crianças nos veículos são algumas das principais causas de acidentes no trânsito. Todos os dias, morrem 155 pessoas no Brasil em acidentes de trânsito. É necessário que se valorize as ações educativas e o que se aprende na autoescola”, disse Priscilla Lundstedt.

Entre os dias 6 e 10 de fevereiro, a NitTrans realizará distribuirá panfletos educativos para segurança no trânsito escolar em escolas públicas e particulares.

Fonte: O Fluminense 



------------------------------------------------------------


LEIA TAMBÉM:

---
CISP LANÇA NOVO CANAL DE EMERGÊNCIA - Ligue 153
---

ACIDENTES DE TRÂNSITO - Niterói reduz acidentes de trânsito em 78% em três anos
QUEDA NO NÚMERO DE ACIDENTES EM NITERÓI

Outras postagens

Imprudência que chega pelo mar
Niterói entra na luta para redução de animais atropelados nas estradas
Defesa Civil de Niterói se integra a Rede Nacional de Emergência de Radioamadores
NITERÓI RESILIENTE: Defesa Civil nas Escolas – Alunos da Escola Municipal Sebastiana G. Pinho capacitadas para situações de risco







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.