quarta-feira, 31 de maio de 2017

Niterói terá bibliotecas escolares em todas as unidades da rede municipal até 2020






30/05/2017 - A Escola Municipal Dario Castelo, em Itaipu, Região Oceânica de Niterói, vai ganhar uma biblioteca. A unidade é a quinta da rede municipal de ensino a participar do Programa de Implantação das Bibliotecas Escolares, que transforma as salas de leitura em espaços com acervo maior. O prefeito Rodrigo Neves, que visitou a escola nesta terça-feira (30.5), conheceu detalhes do programa.

Neves conversou com alunos e professores nas salas de aula e lembrou que a Dario Castelo, que tem 473 alunos, foi uma das 22 escolas entregues nos últimos três anos. Antes da unidade de Itaipu, o prefeito esteve na Unidade de Educação Infantil (Umei) Geraldo Bezerra de Menezes, em Santa Rosa, que tem 167 crianças matriculadas em horário integral.

“Essas visitas são importantes para aperfeiçoar a nossa gestão na cidade. Essa Umei conta com uma equipe dedicada e unida, que trabalha com carinho pela educação de nossas crianças. Niterói é uma das únicas cidades da Região Metropolitana que colocou todas as crianças na educação infantil e no ensino fundamental. Isso representa um esforço muito grande, porque mesmo com a crise, nós estamos com os salários em dia, assim como os serviços e investimentos, como a construção de novas unidades de educação”, afirmou Rodrigo Neves.


Rodrigo Neves acompanhou de perto o início da iniciativa na Região Oceânica. Foto: Luciana Carneiro / Prefeitura de Niterói


Benefícios para os alunos

A secretária municipal de Educação, Flávia Monteiro de Barros, explicou que o município está cumprindo lei federal que determina que todas as escolas de ensino fundamental tenha bibliotecas em suas dependências até 2020.

Já contam com o equipamento as escolas municipais Paulo Freire, no Fonseca; Santos Dumont, no Bairro de Fátima; e Heloneida Studart, em Várzea das Moças. Na escola Rachide da Glória Salim Saker, em Santa Bárbara, a biblioteca está em fase de implantação. Já na Dario Castelo, a previsão é que a partir de agosto os alunos possam utilizar o novo espaço.

“Estamos cumprindo a lei e ao mesmo tempo contribuindo ainda mais para a educação de nossas crianças e adolescentes. As bibliotecas têm acervo maior do que as salas de leitura e possuem uma dinâmica diferente. Com certeza esse programa será de grande benefício para os alunos da rede municipal”, explicou a secretária.

Fonte: Prefeitura de Niterói










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.