segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

PARNIT: Parque da Cidade recebe o projeto 'Montanha para Todos'



Ação tem como objetivo realizar passeios em uma cadeira de rodas especialmente projetada para promover a acessibilidade em trilhas. Foto: Colaboração / Lislane Rottas

Iniciativa é realizada pelo Clube Niteroiense de Montanhismo. Foto: Colaboração / Lislane Rottas


Lislane Rottas

Objetivo da ação é realizar passeios com pessoas que possuem mobilidade reduzida em trilhas

Aconteceu na manhã deste domingo (12) na trilha dos Platôs no Parque da Cidade, em Niterói, mais uma edição do projeto “Montanha para Todos”. A iniciativa é realizada pelo Clube Niteroiense de Montanhismo (CNM), e tem como objetivo realizar passeios que ocorrem por meio de uma cadeira de rodas, que foi especialmente projetada para a promover a acessibilidade de pessoas com mobilidade reduzida às trilhas. Neste domingo, o grupo levou o pequeno Lucas, de 7 anos, paciente da Pestalozzi para curtir esse belo passeio.

De acordo com a diretora social do CNM, Patrícia Gregory, a cadeira foi comprada através da rifa de uma bicicleta que foi doada por uma instituição de ensino particular de Niterói.

“Tivemos o conhecimento da existência da cadeira e o projeto que ela envolve. Sendo assim, nos mobilizamos para realização dessa rifa, que teve a venda revertida para a compra dessa cadeira adaptada, baitizada de Juliette 006. A pessoa que ganhou tinha comprado 50 números, já no intuito de ajudar. Sensibilizado com a causa, o ganhador não quis o prêmio e vamos fazer nova rifa para adquirir outra cadeira. Desse jeito, vamos dar mais oportunidades a várias pessoas que não podem ter esse contato com a natureza. Assumimos esse compromisso e vamos abrir um espaço no site da nossa instituição para que as pessoas se candidatem. A ideia é fazer uma fila de espera para a relização dos passeios. Ver esse sorriso dessas pessoas é o que basta para a nossa motivação”, afirmou.

Patrícia ainda contou que a ideia da cadeira adpatada, que se chama Juliette, é de um casal de montanhistas que já tinham subido várias montanhas pelo Brasil.

“É uma linda história de amor que cerca a criação dessa cadeira. A esposa teve uma doença que a deixou com problemas de mobilidade. O marido, que é engenheiro, prometeu que eles iam refazer todas as trilhas novamente, só que agora de um jeito diferente. Através de parcerias ele conseguiu desenvolver a cadeira adaptada e agora querem expandir pelo Brasil e pelo mundo. A esposa Juliana, acabou colocando o nome das cadeiras de Juliette. Alguns Parques Nacionais já têm essa cadeira, porém o CNM queria trabalhar isso de uma maneira mais livre sem precisar contar com as burocracias de órgão público”, explicou.

A avó do pequeno Lucas disse que ele amou a experiência.

“Foi muito bom ele ter participado. Fico agradecida em ver o sorriso no rosto do meu neto. Tivemos um domingo maravilhoso. Que bom que existem pessoas que ainda estão dispostas em fazer o bem sem esperar nada em troca”, disse.

O projeto “Montanha para todos”, estreou em Niterói no último final de semana. Duas pessoas com pouca mobilidade estiveram presentes para desbravar a trilha do Morro das Andorinhas, no Parque Estadual da Serra da Tiririca (Peset), administrado pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea).

Fonte: O Fluminense




--------------------------------------------------------------------


LEIA TAMBÉM:

Parque Estadual da Serra da Tiririca recebe o Projeto de inclusão Montanha Para Todos
NITERÓI CIDADE INCLUSIVA - Icaraí já é uma praia sem barreiras
Niterói recebeu cerca de 40 mil visitantes durante os Jogos Paralímpicos
JORNAL NACIONAL: Para levar a tocha em Niterói, Lars Grael decide usar prótese
RAQUETADAS QUE ELEVAM A AUTOESTIMA DE CADEIRANTES
Lars Grael vence deficiência com ‘truque’ para, aos 51 anos, conquistar sua maior ambição: o Mundial da Star
FESTIVAL ESPORTIVO TRANSFORMA AGITOU O COMPLEXO DO CAIO MARTINS, EM NITERÓI 











Nenhum comentário:

Postar um comentário

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.