terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

FISCALIZAÇÃO: CICCA - Dez anos no combate aos crimes ambientais



Coordenadoria combate crimes ambientais no estado. Fotógrafo: Antonio Kämpffe


Cicca é referência na luta contra a degradação ambiental

A Coordenadoria Integrada de Combate aos Crimes Ambientais (Cicca), que realiza operações de inteligência, fiscalização e repressão aos diversos crimes ambientais que acontecem no território fluminense, completa dez anos em 2017.

Com o objetivo de tornar a Secretaria do Ambiente uma referência no combate à impunidade e à degradação ambiental e no fortalecimento da proteção ao meio ambiente, a Cicca estabeleceu com Inteligência, parcerias e convênios a criação do disque denúncia ambiental. Através deste canal, foi possível planejar e executar mais de 400 operações de fiscalização, que resultaram em 650 prisões e uma ampla emissão de multas administrativas.

– Esse avanço nas nossas ações é fruto da parceria com a Polícia Militar, através do Comando de Polícia Ambiental, do Grupamento Aeromóvel e do Batalhão de Polícia Rodoviária. Planejamos, integramos e executamos ações de combate aos crimes ambientais, onde em diversas circunstâncias utilizamos veículos, equipamentos e apoio de efetivo das instituições parceiras para o combate aos delitos ambientais – explicou o chefe da Cicca, tenente-coronel George Costa.

Este ano, a Cicca tem como prioridades fechar os lixões clandestinos e reprimir principalmente construções irregulares na Zona Oeste do Rio.

Algumas ações que a Cicca pôde realizar em conjunto com outras autoridades de preservação ambiental foram: fechamento de lixões clandestinos; embargo e demolição de construções em áreas de proteção ambiental; combate à caça e pesca ilegal; interdição de depósitos de combustíveis e madeireiras irregulares; destruição de carvoarias e barragens de rio ilegais; e lacre de saída de esgoto irregular de estabelecimentos.


Para denunciar crimes ambientais:

Cicca: (21) 2334-5906
Linha Verde: 0300 253 1177

Fonte: Governo do RJ










2 comentários:

  1. Boa Axel! Criamos a CICCA em 2007 com o comandante Padrone. Ao longo dos anos participei diretamente de mais de 100 operações, com destruição de fornos ilegais de carvão, fábricas ilegais de balões, desmatamento , roubo de areia, pesca ilegal. O coronel Padrone esteve comigo no Ministério do Meio Ambiente por 2 anos - entre 2008 e 2010 e organizou cerca de 50 operações, inclusive cerca de 30 de captura de Boi Pirata na Amazônia. Voltou a comandar a CICCA até o fim do ano passado. Assim que , por uma questão de justiça, ele deveria ser mencionado na matéria. Você bem o conhece e esteve na mesa da homenagem que fizemos ao Comandante Padrone na ALERJ em 2016. Saudações sustentáveis e vigilantes do parceiro Carlos Minc

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Minc. É importante verificar que mesmo com os atuais "tempos bicudos", ficam legados daquele tempo. Tenho orgulho de ter estado com você naquele período. Parabéns e obrigado. Axel Grael

      Excluir

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.