segunda-feira, 14 de novembro de 2016

NITERÓI CONTRATA: Secretaria de Assistência Social abre processo seletivo para 197 vagas





Contrato de trabalho temporário terá duração de um ano. Vencimentos vão até R$ 1,4 mil

14/11/2016 - A Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos de Niterói (SASDH) abriu processo seletivo para contratação temporária de 197 profissionais para os cargos de assistente social, auxiliar administrativo, conselheiro químico, digitador, educador social, entrevistador, psicólogo e técnico de nível superior. Os vencimentos vão de R$ 806,06 a R$ 1.411,19. A inscrição, que é gratuita, abre na quarta-feira (16) e deve ser feita na sede da SASDH, das 9h às 12h e das 13h às 17h.

É necessário possuir o Ensino Médio completo para concorrer às 22 vagas de auxiliar administrativo, às 6 de digitador, às 40 de educador social, às 3 de entrevistador e à 1 vaga de conselheiro químico, cargo que também exige comprovação de experiência profissional na área.

Os candidatos às 80 vagas de assistente social e às 35 de psicólogo precisam ter nível superior completo na área e registro no órgão da classe. Para disputar as 10 oportunidades técnico de nível superior, é necessário ter graduação completa em Ciências Humanos ou Ciências Sociais aplicadas.

Os profissionais irão atuar nos equipamentos do Município, como os centros de acolhimento Florestan Fernandes, Lélia Gonzales e Arthur Bispo do Rosário; na assessoria dos Conselhos Tutelares; nos Centro de Referência de Assistência Social (CRAS); e no Centro Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop), entre outros.

Serão reservadas vagas para pessoas com deficiência em todos os cargos, de acordo com a legislação municipal. A seleção será feita por meio de análise de currículo, títulos e certificados. O contrato temporário terá validade de um ano e poderá ser prorrogado por igual período.

Mais informações sobre o edital no Diário Oficial do Município e na sede da SASDH, na Rua Coronel Gomes Machado, 281 – Centro de Niterói.

Fonte: Prefeitura de Niterói






2 comentários:

  1. Grato pela informação! O Estado e as prefeituras fluminenses devem mesmo investir mais nessa população abandonada: ABRIGOS, programas de OPORTUNIDADES DE TRABALHO E EMPREGO, POSTOS DE SAÚDE, REABILITAÇÃO DE USUÁRIOS DE DROGAS LÍCITAS E ILÍCITAS e por último, mas não menos importante, RESTAURANTES PÚBLICOS.

    ResponderExcluir
  2. Tentarei participar desse processo seletivo como psicóloga que sou, pois tenho tentado participar de outros mas não estou sendo bem sucedida. Não entendo o critério para avaliação. Na maioria passo no processo mas nunca sou chamada. Espero conseguir nesse. Estou em fase de conclusão da pós graduação em Neuropsicologia e Reabilitação na Celso Lisboa RJ

    ResponderExcluir

Contribua. Deixe aqui a sua crítica, comentário ou complementação ao conteúdo da mensagem postada no Blog do Axel Grael.